domingo, 31 de janeiro de 2010

Reticência 47

O amor é mesmo insano,
e assim o é em demasia.
Não passa mais de um segundo
a descansar no fim do dia.

2 comentários:

Mais um imundo no mundo impuro. disse...

Fiquei sem reação, só sei que os versos daqui sempre tocam o meu coração.

Abraços!

Tiago Moralles disse...

(Des)cansa.