sábado, 13 de novembro de 2010

Reticência 170

eu não demoro tanto a perceber...
e, se você quer saber,
sou, por vezes, em excesso.
ainda assim, não finjo.
sou.

Um comentário:

Leti B. disse...

que delícia esse poeminha!